Voz da Póvoa
 
...

Tal Como Viver, É Bom Pedalar Aqui!

Tal Como Viver, É Bom Pedalar Aqui!

29 Setembro 2020

Depois de confirmar o bom que é viver aqui, a autarquia lançou um novo projecto de Educação Ambiental, na Semana Europeia da Mobilidade, “É Bom Pedalar Aqui!”. Por ser bom, foi lançado um desafio às escolas do concelho da Póvoa de Varzim, que visa promover o ensino e a prática do uso da bicicleta em contexto escolar.

O projecto foi apresentado na segunda-feira, 21 de Setembro, no Auditório Municipal, pelo Vereador da Mobilidade e Transportes, Luís Ramos e, pela Vereadora do Ambiente, Sílvia Costa. Na plateia encontravam-se os Directores de Agrupamento e Coordenadores do 1º ciclo, assim como o Vereador da Educação e Vice-presidente da Câmara, Luís Diamantino.

A campanha pretende devolver a cidade às pessoas, promovendo alternativas aos meios de transporte. A autarquia, nos últimos anos, criou ou construiu mais de 30 quilómetros de vias de bicicleta, mas todas as outras vias podem ser utilizadas por estes velocípedes. No estudo apresentado ficamos a saber que 80% das deslocações são efectuadas dentro do concelho; 69% em automóvel; 20% a pé e apenas 2% de bicicleta.

Para Luís Ramos é importante mudar as nossas rutinas diárias, para que o nosso ambiente seja mais sustentável: “Passamos a ter uma mobilidade mais activa e em benefício da nossa saúde. Não podemos eliminar de todo os veículos automóveis. Temos sim, que fomentar a utilização dos transportes públicos e os modos mais activos, seja a bicicleta ou andar a pé. Isto não se faz da noite para o dia. É necessário que as pessoas tenham alternativa e a Câmara Municipal tem vindo a trabalhar nesse sentido”.

E acrescenta: “Uma das alternativas é o novo concurso dos transportes públicos, para que as pessoas possam deslocar-se em segurança, da casa para a escola ou para o local de trabalho e, não tenham a necessidade de usar o seu veículo para as deslocações. Assim como incrementar, em qualidade e número, as nossas ciclovias para que as pessoas utilizem as bicicletas de forma segura na cidade e nas nossas freguesias. O caderno de encargos do concurso contempla a renovação ou uma obrigatoriedade do prestador de serviço, o faça com viaturas mais actualizadas e adequadas. É uma obrigação ao longo da prestação de serviços que se estende por sete anos, que a idade média dos veículos vá progressivamente reduzir, renovando a sua frota”.

O Vereador da Mobilidade não deixou de falar na reabilitação do Centro Coordenador de Transportes, a reabilitação do Bairro da Matriz, a limitação da velocidade para zonas 30 em todas as áreas escolares, os pontos de carregamento de veículos elétricos espalhados pela cidade e, ainda, a criação de vias estruturantes como a ampliação da via B, para facilitar a circulação de veículos automóveis e outros.

Por outro lado, Sílvia Costa fez questão de destacar a importância de promover o projecto “É Bom Pedalar Aqui!” junto dos mais novos: “O que pensamos neste projecto foi que para termos uma sociedade mais sustentável, com melhores hábitos de mobilidade, teremos que actuar desde idades mais jovens, logo de início. Daí este projecto ter sido pensado para ser desenvolvido com as escolas do 1º ciclo. Temos que construir uma cultura dos modos activos de mobilidade e para isso vamos trabalhar com estas crianças. Isto porque sabemos que há um efeito multiplicador muito importante sobre a comunidade familiar e envolvente. De facto os mais novos têm esta capacidade de nos pôr a pensar e de nos levar a mudar os comportamentos. Pegar nestas questões da segurança e da mobilidade, motivar os mais novos a utilizarem a bicicleta e levarem as famílias a fazer o mesmo não só pela questão da vida activa, mas também para terem a consciência de que, com esta opção estão também a ser mais amigos do ambiente e a garantir o seu próprio futuro no planeta”.

partilhar Facebook
Banner Publicitário