Voz da Póvoa
 
...

Município Empenhado na Requalificação Total da EN 13

Município Empenhado na Requalificação Total da EN 13

14 Julho 2020 | 23:55

A Câmara Municipal de Esposende vem insistindo com a Infraestruturas de Portugal (IP) com vista a uma requalificação global e integral da Estrada Nacional (EN) 13 no troço que atravessa o concelho.

A via está a ser alvo de uma intervenção de pavimentação, que pretende melhorar o desempenho funcional e prolongar o tempo de vida útil do pavimento, à qual está também associada a execução de trabalhos de drenagem e a reformulação da sinalização vertical e horizontal.

Não obstante esta intervenção, o Município continua reiteradamente a reclamar junto da IP uma intervenção global e integral do traçado que abrange o concelho, o que se prevê que aconteça no próximo ano.

Recorde-se que chegou a estar prevista, para 2015, uma empreitada de conservação da via, no troço compreendido entre os limites da freguesia de Antas e a Ponte D. Luís Filipe, a chamada Ponte de Fão, integrada no plano de requalificação e manutenção da rede rodoviária do distrito de Braga previsto pela antiga EP – Estradas de Portugal. De então para cá, o Município vem, insistentemente, alertando para a necessidade e premência desta intervenção de modo a conferir maior segurança neste percurso da EN 13.

Esta estrada nacional regista elevado tráfego rodoviário, que sofreu um aumento considerável na sequência da introdução de portagens na A28, a que se junta a sinistralidade rodoviária, particularmente em determinados locais. Como resposta a esta situação, foi já construída a rotunda junto ao Mini Preço, que resolveu definitivamente o problema num dos locais de maior perigosidade.

Ainda antes da requalificação global que se pretende, o Município está já a diligenciar no sentido de obter todos os acordos necessários à aquisição dos terrenos para a execução de uma nova rotunda na EN 13, junto à delegação da Cruz Vermelha de Marinhas, outro dos locais que configura maior perigosidade para a circulação automóvel, esperando-se para breve a assinatura de um protocolo com vista à sua construção.

Hoje mesmo foi assinado outro protocolo com a Infraestruturas de Portugal desta feita para a colocação de semáforos na EN 103-1, em Palmeira de Faro. A instalação destes semáforos, que há muito vinha sendo reclamada tanto pela União das Freguesias de Palmeira de Faro e Curvos, como pela própria Câmara Municipal, irá garantir as necessárias e desejáveis condições de segurança naquele troço da via, sendo totalmente custeada pelo Município.

partilhar Facebook
Banner Publicitário