Voz da Póvoa
 
...

Um Novo Curtas Arranca Em Vila DO Conde

Um Novo Curtas Arranca Em Vila DO Conde

Vila do Conde | 28 Outubro 2020

Arranca este sábado, dia 3 de outubro, a 28ª edição do Curtas de Vila do Conde. Um festival com formato especial, comprometido com os novos tempos, mas onde a atualidade e urgência da programação voltam a ser os focos principais do evento que quer ser palco para a divulgação do que melhor se faz, experimenta ou reinventa no cinema em formato curto. Com extensões simultâneas a Porto, Lisboa e Faro e um programa com mais de 200 filmes e conteúdos exclusivos disponibilizados online, o Curtas de Vila do Conde reafirma a importância do encontro, do cinema, da sala, num tempo onde as interações sociais estão comprometidas. Uma preocupação bem justificada numa seleção que coloca, lado a lado, realizadores consagrados e novas vozes e que ensaia um olhar transversal pelo que se faz nas escolas de cinema, no panorama internacional e dentro das portas do país. Identidades, história, sentimentos de pertença, liberdades individuais e direitos adquiridos são alguns dos pratos fortes dos mais de 261 filmes que marcarão as diferentes secções do festival. A cerimónia oficial de abertura do 28º Curtas de Vila do Conde acontece pelas 17h00 de sábado, no Teatro Municipal de Vila do Conde com a estreia nacional de Casa de Antiguidades, primeira longa-metragem de João Paulo Miranda Maria. Uma história sobre o preconceito e o racismo no Sul do Brasil, interpretado pelo histórico António Pitanga.

A NEW VERSION OF CURTAS, WITH MORE VENUES AND AN ONLINE PROGRAM STARTS
THIS SATURDAY

The 28th edition of Curtas de Vila do Conde is about to start. This Saturday, the 3rd, we launch a special festival, committed to the new times, but where the urgency of its program is, once again, the main focus of an event that wants to be the stage for some of the best productions and experimentations in short format cinema. With simultaneous extensions to Porto, Lisbon and Faro and an online program with more than 200 films and exclusive content, Curtas Vila do Conde reaffirms the importance of encounters, cinema and venues, at a time where social interactions are compromised. A concern
well-justified in the 2020 selection, that places side by side renowned filmmakers and new voices and that rehearses a transversal look into what is done in film schools, on the international cinema scene and within the country's productions. Identities, history,
feelings of belonging, individual freedoms and acquired rights are some of the strong features of the more than 261 films that will be distributed between different sections of the festival. The opening ceremony of the 28th Curtas de Vila do Conde takes place this
Saturday, at 5 pm on Saturday, in the Municipal Theater of Vila do Conde with the national premiere of Memory House, the first feature film by João Paulo Miranda Maria. A story about prejudice and racismo in southern Brazil, interpreted by the historical António Pitanga.

http://festival.curtas.pt/?locale=pt_PT

partilhar Facebook
Banner Publicitário