Voz da Póvoa
 
...

As Fontes Para não Calar Voltam a Iluminar as Águas

As Fontes Para não Calar Voltam a Iluminar as Águas

Vila do Conde | 1960 | 26 Agosto 2020

            As fontes fizeram-se para embelezar os lugares, mas o tempo, o desgaste natural e o vandalismo, ajudam-nas a secar. Para que o futuro ainda as possa ver correr na sua arquitectura, a Câmara Municipal de Vila do Conde realizou um conjunto de intervenções nas fontes e jogos de água da cidade, nomeadamente na Alameda dos Descobrimentos, Jardim da Av. Júlio Graça e Praça de São João.

Alguns dos exemplos revelados pela autarquia foi o restauro “na fonte de água localizada no topo da Alameda dos Descobrimentos foram realizados trabalhos de manutenção como a substituição de bicos e projetores, de modo a manter em funcionamento o jogo de água e a sua iluminação”, assim como “a reabilitação das fontes de água do Jardim Júlio Graça que contemplou trabalhos de impermeabilização e de reformulação da parte elétrica e mecânica. Os trabalhos realizados repuseram as condições de funcionamento e de segurança nos dois jogos de água, a iluminação foi atualizada para LED e a filtragem e tratamento de água passou a ser efetuada por sistemas automáticos. O jogo de água da Praça de São foi alvo de uma reformulação, na íntegra, da parte mecânica e elétrica com alteração para iluminação LED”.

Este é um trabalho de manutenção desenvolvido pela autarquia Vilacondense nos espaços verdes, de lazer e jardins públicos, no sentido da sua melhoria e usufruto dos belos espaços públicos que a cidade tem e pretende manter.

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário