Voz da Póvoa
 
...

Carlos Costa Lidera a Comissão Administrativa do Varzim

Carlos Costa Lidera a Comissão Administrativa do Varzim

Varzim | 1921 | 28 Agosto 2019

O advogado Carlos Costa (sócio n.º 1013) foi eleito presidente da Comissão Administrativa do Varzim Sport Club. A única lista apresentada aos 246 associados presentes na Assembleia-Geral Extraordinária, realizada no Auditório Municipal, foi aprovada com 210 votos a favor, 25 abstenções e 11 votos contra. A equipa que vai dirigir os destinos do clube alvi-negro até à realização do acto eleitoral, agendado para 28 de Setembro, integra ainda os seguintes elementos: Edgar Alberto Marques Torrão (sócio n.º 985), Pedro Miguel Alves Casanova (sócio n.º 952), António Alberto Machado de Oliveira (sócio n.º 1580), Pedro Nuno Fernandes Coelho (sócio n.º 1534), Vítor Manuel Fangueiro Cadilhe (sócio n.º 737) e Rui Nuno Faria Sampaio da Nova (sócio n.º 746). A lista também integrava o nome de André Tavares Moreira, mas atendendo ao facto de apenas se ter tornado associado do Varzim no passado dia 14 de Agosto, o seu nome acabou por ser recusado pela maioria dos sócios. No entanto, como frisou Carlos Costa, “vai colaborar com a Comissão Administrativa, até porque se trata de um jovem jurista que está ligado ao futebol como membro do Conselho de Disciplina da Associação de Futebol do Porto”. O presidente da Comissão Administrativa do Varzim Sport Club começou por explicar as razões que o levaram a aceitar o desafio: “Várias pessoas falaram comigo e, depois de um período de reflexão, entendi que deveria dar o meu contributo ao clube neste período complicado. Contactei algumas pessoas para integrar a comissão administrativa e vamos trabalhar em função das necessidades que o clube apresentar, procurando fazer a melhor gestão possível. Na escolha da equipa que me acompanha, procurei sócios que pudessem ser uma mais-valia, nas mais diversas áreas, sendo que era ponto de honra que quem aceitasse integrar esta comissão administrativa não poderia participar em nenhuma lista no próximo acto eleitoral”. Carlos Costa confidenciou que desconhecia a realidade do clube: “Partimos para este desafio ‘completamente às escuras’, mas vamos tomar conta dos dossiers, reunir com os sectores do clube e procurar resolver os problemas que forem surgindo”. E complementou: “Este é mais um momento difícil que o Varzim atravessa. A comissão administrativa apenas vai gerir o clube até ao acto eleitoral, mas vai fazê-lo com todo o afinco”. Refira-se que as eleições para os órgãos sociais do Varzim Sport Club estão agendadas para o próximo dia 28 de Setembro.

partilhar Facebook
Banner Publicitário