Voz da Póvoa
 
...

Turistando Lendas e Lugares Leite-creme

Turistando Lendas e Lugares Leite-creme

Opinião | 1949 | 25 Março 2020

— Amor, como se faz leite-creme?

Leite-creme, a mistura perfeita entre leite, ovos, “maisena” e açúcar. Sobremesa “dispendiosa” para tempos de guerra...

— Leva muitos ovos... faz-se outra coisa.

Arroz doce, aletria... sempre o inconveniente dos ovos a mais.

Pensei: o que faria eu quando era guria e queria algo doce para comer?

Mingau! Sim, mingau de chocolate! Ensinei meu homem a fazer enquanto eu preparava o restante do jantar.

Cozinhar é recuar no tempo...

Peguei-me de volta ao pago natal a cozinhar para meus pais e irmãs.

Sentia-me uma velha e sábia bruxa em torno do meu caldeirão a cozinhar lentamente poções capazes de aplacar a fome e aquecer o coração. Quiçá até encher de esperança a alma dos mais aflitos.

A cozinha era meu templo! Lugar onde eu combinava cuidadosamente a comida com todo o amor e boas energias existentes no meu ser. Lugar de onde saíam meus mais doces encantamentos com o propósito de inundar o mundo em bem-estar e felicidade.

O cheiro do mingau já pronto despertou-me do sonho/memória. Vi-me na minha querência a passar adiante meus segredos de como unir corações através dos sabores. Mas muito mais que isso: a ensinar que bem alimentados, corpo e alma, podem alcançar o divino!

As nuvens também são de açúcar!

partilhar Facebook
Banner Publicitário