Voz da Póvoa
 
...

DISSONÂNCIAS… Diálogos de D. Quim Shot e Xanço

DISSONÂNCIAS… Diálogos de D. Quim Shot e Xanço

Opinião | 30 Novembro 2020

D. Quim Shot, um fidalgo à moda antiga, dos lados de Portas Fronhas, e o seu amigo e fiel escuteiro (de escutar, ouvir, e às vezes tugir e mugir) e não do grupo de Escutas de Baden Powell, juntam-se, por vezes, pois os tempos que correm não estão para muitos encontros, e discorrem sobre diversos assuntos, principalmente de política.

Há dias, sobre as audiências do Presidente da República a diversas personalidades e organizações, para ouvir sobre a actual situação pandémica – curioso é o facto de ouvir, quando a personalidade em causa é mais de falar, mas adiante-se começou com o Bastonário da Ordem dos Médicos.

- Diz D. Quim Shot: - Então Xanço, ouviste o Sr. Bastonário da Ordem dos Médicos, à saída da audiência com o Sr. Presidente da República?


- Xanço responde: - Não! O que disse?

- Que o Orçamento de Estado para 2021 “não corresponde às expectativas dos profissionais de saúde e dos portugueses”, nem investe no SNS!

- E é mesmo assim?

- Depende. É como o cálice a meio. Para uns está meio vazio, para outros meio cheio. A verdade é que em 2000 Portugal investiu 8,4% do PIB na Saúde e em 2018 investiu 9,4% do PIB. A média da União Europeia é de 10,2% do PIB. Nesse ano, estávamos em oitavo lugar, tendo atrás a Espanha e a Itália. Em primeiro estava a Alemanha com 11,4%; França com 11,3%, Suécia com 10,9% e mais outros quatro países, mas nenhum deles tem o peso da dívida no PIB como o nosso País.

- Bom, sendo assim até não estamos muito mal na foto. E não é verdade que, o Governo disse, que para 2021, iria reforçar as verbas para a saúde?

- Pois, parece que sim, meu caro Xanço, mas parece que a “falha grave” é não considerar a carreira médica como profissão de desgaste rápido?

- A Ordem dos Farmacêuticos também disse mal do Orçamento, não disse? -pergunta Xanço.
- Pois disse, e o Miguel Albuquerque também veio “molhar a sopa”, dizendo que “o Orçamento é uma vergonha para a Madeira”.

- Queres ver que a pen com o Orçamento entregue ao Ferro Rodrigues, estava vazia? Ou seria um engano e era a pen com um putativo Orçamento do PSD/CDS?

A continuar… ou não?

Nota: os dados do PIB são da Pordata

José Milhazes 

partilhar Facebook
Banner Publicitário