Voz da Póvoa
 
...

BENDITOS

BENDITOS

Opinião | 16 Abril 2021

Primavera na aldeia. O sol. Os vasos. As casas. As pessoas dão-me alento. Até me dizem que a minha escrita lhes dá forças. E preocupam-se comigo, com a minha saúde.
É manhã. Os galos cantam. A vida é uma bênção, apesar de tudo. O milagre de nascer, de estar aqui. O gato, o Pi, mia. Bendita Criação. Bendito Criador. Benditos os que criam, os que pintam, os que escrevem poemas. Bendita seja a música e o mar e as estrelas. Bendita seja a  mulher, o homem, os animais, as plantas, as pedras. Bendito seja o cosmos, o universo, o Big Bang, o princípio de tudo.

António Pedro Ribeiro – Sociólogo, poeta, cronista e muito mais…

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário