Voz da Póvoa
 
...

Misericórdias Portuguesas aprovam Por Unanimidade Relatório e Contas

Misericórdias Portuguesas aprovam Por Unanimidade Relatório e Contas

Nacional | 20 Outubro 2020

A União das Misericórdias Portuguesas (UMP) em comunicado com data de 1 de Junho de 2020, informa que realizou em Fátima, a Assembleia Geral em que foi aprovado, por unanimidade, o Relatório de Atividades e a Conta de Gerência do exercício social de 2019.

Os provedores das Misericórdias Portuguesas destacaram “a forma como as Santas Casas estão a gerir os efeitos da pandemia que afeta o país, em circunstâncias muito adversas em que, por vezes, tiveram de lidar com contradições entre organismos oficiais e algum desconhecimento por parte dessas entidades sobre a realidade dos estabelecimentos da responsabilidade das Santas Casas. Porque a angústia e o medo foram em diversas ocasiões os companheiros dos dirigentes e colaboradores das Santas Casas, a Assembleia Geral expressou o seu reconhecimento sobre os resultados obtidos até à data, que comparam muito favoravelmente com resultados de instituições idênticas na Europa”.
 
Neste âmbito foi votado em Assembleia, por unanimidade e aclamação, “um voto de louvor ao Secretariado Nacional da União das Misericórdias pelo modo como apoiou a Santas Casas na luta contra a pandemia e aos dirigentes e colaboradores pela dedicação de que deram provas nestes meses em que foram postos à prova em circunstâncias muito adversas”.

No comunicado pode ainda ler-se que “a Assembleia das Misericórdias também concretizou um compromisso de honra sobre a conclusão da gestão financeira da construção e reabilitação de 48 habitações permanentes afetadas pelos fogos que deflagraram, em junho de 2017, nos concelhos de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Góis, Pampilhosa da Serra, Sertã e Penela. Esse compromisso consistia que no fim do processo seriam apresentadas as contas ao detalhe. O Relatório de Execução dá conta, de forma descriminada, da origem dos donativos recebidos pela UMP e dos gastos efetuados. O compromisso ficou assim cumprido com a aprovação pela Assembleia Geral da União das Misericórdias do Relatório de Execução Financeira, devidamente auditado pelo Revisor Oficial de Contas”.

Realizado em circunstâncias diferentes das habituais, o encontro decorreu no Centro Pastoral Paulo VI, em Fátima, com lotação limitada, utilização de máscaras e regras de distanciamento e segurança, em conformidade com as orientações da Direção Geral da Saúde.

Sobre a União das Misericórdias Portuguesas

A União das Misericórdias Portuguesas (UMP) é uma associação de âmbito nacional, criada em 1976 para orientar, coordenar, dinamizar e representar as Misericórdias, defendendo os seus interesses e organizando atividades de interesse comum.
Enquanto promotora da economia social, a UMP tem pautado a sua atuação pelo diálogo entre as Misericórdias e os diversos parceiros institucionais, participando ativamente na definição e execução de políticas públicas sociais, com o objetivo de assegurar respostas sociais e de saúde que contribuam para o desenvolvimento de uma rede de apoio para o bem-estar da população.

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário