Voz da Póvoa
 
...

Já Pode Carregar o Seu Veículo no Posto eléctrico da Praça Luís de Camões

Já Pode Carregar o Seu Veículo no Posto eléctrico da Praça Luís de Camões

Local | 20 Janeiro 2021

Os tempos modernos exigem uma cidade no mesmo caminho. Foi nesse sentido que, esta terça-feira, o Presidente da Câmara se deslocou à Praça Luís de Camões, para inaugurar o primeiro posto de carregamento elétrico para automóveis. O novo equipamento, frente à escola secundária Rocha Peixoto, tem um custo para o utilizador de 12 cêntimos por minuto e, o carregamento de uma bateria na totalidade deverá rondar os 40 minutos.

“Dentro do processo que temos vindo a fazer de descarbonização e do incentivo à utilização de viaturas, não movíveis a combustíveis fósseis, como a gasolina ou o gasóleo, temos esta primeira fase dos primeiros postos de abastecimento eléctricos que nos abrem uma boa perspectiva e resposta. Já tínhamos tomado uma medida, que passa por permitir o estacionamento das viaturas eléctricas em todos os parques à superfície, não cobrando qualquer taxa de estacionamento”, explica Aires Pereira.

A intenção é nesta primeira fase activar cinco postos de carregamento de viaturas eléctricas. O próximo deverá ser inaugurado na Praça do Almada, frente ao Centro de Atendimento Municipal, segue-se junto ao Mercado Municipal e ainda outros dois postos mais para activar em breve. O Presidente da Câmara revela a intenção de abrir um procedimento para mais seis postos: “Vamos lançar um novo concurso para aumentar esta rede, cobrir a zona da marginal e os parques de estacionamento do município, quer o Low Cost do antigo Quintas e Quintas, quer o novo parque no antigo quartel, para terem postos de abastecimento rápidos. Como percebemos nestes postos agora inaugurados, em 25 minutos carrega oitenta por cento da bateria, o que é muito aceitável para quem utiliza habitualmente carros eléctricos”.

E Aires Pereira acrescenta: “Dentro da nossa aposta dos modos suaves, da descarbonização, os carregadores eléctricos, entram aqui como uma verdadeira opção, até porque, sabemos das dificuldades que qualquer um de nós tem para abastecer em casa. Se viver num edifício de propriedade horizontal, não é fácil montar um sistema de carregamento. Portanto, a via pública tem que responder”.

Para aceder ao serviço agora disponibilizado, “o utilizador deve aderir a uma proposta comercial de um dos Comercializadores de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica (CEME), que lhe fornecerá um cartão de acesso a todos os postos de acesso público da Rede. O pagamento dos carregamentos elétricos será efetuado posteriormente, depois de o utilizador receber a fatura do seu CEME com todos os detalhes para o pagamento”, pode ler-se em nota explicativa da autarquia poveira.

 

 

 

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário