Voz da Póvoa
 
...

Autarquia Vai Suportar Aumentos na Factura da Água

Autarquia Vai Suportar Aumentos na Factura da Água

Local | 2 Dezembro 2020

Como tem vindo a acontecer nas últimas rreuniões de Câmara, todas as propostas foram aprovadas por unanimidade. O presidente da autarquia revelou que as Águas do Norte, S.A vão aumentar as tarifas do próximo ano em 0,80%, mas o executivo decidiu não aplicar os aumentos nas faturas a pagar pelos munícipes em 2021, mantendo-se por isso o preço inalterado.

O aumento assumido pelo município atinge 18 mil euros no abastecimento de água e de 14 mil euros no saneamento de águas residuais. A estas despesas, junta-se a factura da LIPOR que prevê um aumento nas tarifas previsionais de tratamento de resíduos sólidos, na ordem dos 100 mil euros, custo a suportar pela autarquia.

Foi também aprovado mais um concurso público para a execução da empreitada da Rua da Fontinha, um investimento que deverá ultrapassar o montante de 560 mil euros. Aa obra a realizar na freguesia de Beiriz, vai estabelecer a ligação do Largo da Margarida à rotunda do Cruzeiro e prevê a pavimentação do acesso ao Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia. Esta solução resolve o problema dos dois sentidos na rua frente à escola primária.

Ainda durante A Reunião de Câmara de Terça Feira, dia 27 de Outubro, foi aprovado e renovado o protocolo com a Fábrica da Igreja Paroquial de Laúndos, para a conservação e manutenção dos jardins Monte de S. Félix, no montante de 36 mil euros. Ainda numa relação de sã convivência com as instituições da igreja católica, o executivo decidiu isentar a Fábrica da Igreja Paroquial de Santa Eulália de Balasar, das taxas urbanísticas, no montante de 46 mil euros, referentes à construção de um edifício destinado a Centro Paroquial e Pastoral e Capela Mortuária.

Foi ainda aprovado o concurso público para os direitos de ocupação de duas cafetarias no Centro de Atendimento Municipal e no Centro Coordenador de Transportes.
Por último, foi aprovado pelo executivo a atribuição de um subsídio às associações participantes nos campeonatos do Inter-Freguesias de futebol, no valor de cerca de 20 mil euros, e ainda de um outro, no montante de 10 mil euros, ao Grupo Recreativo Estrelas do Bonfim, para suportar os custos da cobertura do edifício-sede, onde ocorriam algumas infiltrações.

Aires Pereira, no final da reunião de Câmara, informou que está a ser preparado um programa especial de apoios às associações do concelho, que se encontram em grandes dificuldades, devido à situação de pandemia que o país e o mundo atravessam.

partilhar Facebook
Banner Publicitário