Voz da Póvoa
 
...

Casos de Legionella Continuam a Aumentar

Casos de Legionella Continuam a Aumentar

Geral | 2 Dezembro 2020

É preocupante, mas as autoridades de saúde informam que é uma doença que não é contagiante. O surto que afecta a região já vitimou cinco pessoas na Póvoa de Varzim, Vila do Conde e Matosinhos. Até ao momento forma reportados 64 c de Legionella à Administração Regional de Saúde desde 29 de Outubro.
 
Há ainda a registar dezenas de pessoas internadas no Centro Hospitalar local, no Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos e no S. Hospital de João, no Porto.

A directora Geral da Saúde, Graça Freitas quis tranquilizar as populações e defendeu que, “se as pessoas tiverem sintomas respiratórios devem consultar a linha saúde 24, o médico assistente ou o hospital porque não é de todo impossível ainda terem a doença". Convém lembrar que o período de incubação é de cerca de 14 dias.

Até ao momento é desconhecida a origem do surto, mas sabe-se que a doença do legionário, provocada pela bactéria 'Legionella pneumophila', contrai-se por inalação de gotículas de vapor de água contaminada. A bactéria aloja-se nos pulmões, provocando dificuldades respiratórias.

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário