Voz da Póvoa
 
...

“O Pescador” Despediu-se do Escultor

“O Pescador” Despediu-se do Escultor

Cultura | 20 Janeiro 2021

Das mãos de João Cutileiro saiu a escultura ao Pescador Poveiro, que pode ser observada e admirada à entrada do Porto de Pesca da Póvoa de Varzim. A escultura não está identificada, mas para quem conhece a obra e a forma de moldar os rostos e o corpo humano sabe do seu autor. O artista só conquista a eternidade quando se identifica na sua obra.
 
João Cutileiro deixou os lápis, o pincel, o ponteiro, o cinzel, o papel, a pedra e toda a inspiração, esta terça-feira, contava 83 anos. O coração parou mas todo o amor que semeou em obra, ficou, na certeza de ter sido um artista completo. Das suas mãos, do seu olhar ficaram desenhos, fotografias e uma obra impar de escultura semeada um pouco por todo o país.

João Cutileiro também deixou obra na cidade vizinha, em homenagem aos Fundadores de Vila do Conde, homenageando o Conde e a Condessa que terão dado nome a cidade. Este conjunto escultórico foi inaugurado em Dezembro de 1999, na rotunda, na nacional 13, junto ao Auto bemguiados.
 
Dizem os documentos que é natural de Lisboa, mas foi sempre um cidadão do mundo.

partilhar Facebook
693/Joao-Cutileiro-Povoa.jpg
693/Joao-cutileiro.jpg
693/J_Cutileiro_VC.jpg
693/joao-cutileiro-trabalho.jpg
Banner Publicitário