Voz da Póvoa
 
...

As Rusgas São o Brilho Maior do Cortejo Luminoso

As Rusgas São o Brilho Maior do Cortejo Luminoso

Cultura | 1915 | 3 Julho 2019

Apesar do vento assobiar de norte, a convidar ao aconchego, milhares de pessoas encheram os passeios das avenidas dos Banhos e dos Descobrimentos para assistir ao Cortejo Luminoso, um dos momentos mais marcantes do São Pedro, que teve lugar na noite de domingo e que encerrou com chave-de-ouro a primeira semana de festejos. As rusgas de Belém, Mariadeira, Regufe, Sul, Matriz e Norte contagiaram os foliões com os seus cantares, danças e adereços. À passagem de cada rusga, as atenções centravam-se nas tricaninhas de palmo e meio. Ao lado dos respectivos pares, desafiaram o frio e o cansaço com a alegria própria de uma criança, carregando nas mãos o orgulho de ser poveiro e a safra das tradições. E se as sementes do futuro estão lançadas, entre os adultos, as lantejoulas dos aventais das tricanas ganharam um novo brilho com as iluminações que cada um dos bairros preparou para o cortejo. Quem assistia, cantava com orgulho as músicas do seu bairro, numa sã confraternização e rivalidade. É assim que deve ser o São Pedro na Póvoa de Varzim. Agora, é tempo de retemperar forças. Afinal, no fim-de-semana há mais razões para festejar e mais momentos para mais tarde recordar.
Youtube partilhar Facebook
Banner Publicitário