Voz da Póvoa
 
...

A Urgência de um País

A Urgência de um País

Cultura | 25 Outubro 2020

Há momentos felizes. Felizes momentos que temos quando ouvimos alguém dizer o que sentimos, dizer as palavras que nos faltam na hora da razão.
 
E é só por isso que hoje decidi apoiar esta causa:

A 10 de junho, nas cerimónias do Dia de Portugal, o Cardeal José Tolentino Mendonça discursou perante um país que estava a dar os primeiros passos de desconfinamento pós-covid19. Um discurso com a linguagem e a serenidade de um teólogo aberto ao mundo, que suscitou a curiosidade dos leitores e fica registado no livro O Que é Amar um País. O Poder da Esperança.

Neste livro reúnem-se três temas essenciais para a atualidade portuguesa: o que significa amar um país e de que modo podemos interrogar a crise de hoje; qual o sentido da palavra «esperança» durante a pandemia, ao enfrentarmos um mundo desconhecido que muda o nosso lugar no tempo; e, finalmente, de que forma a beleza, a graça e a fé podem combater a solidão e a calamidade destes dias.

José Tolentino Mendonça interroga os sinais da vida quotidiana, mas também os clássicos da literatura, da teologia, da filosofia e da poesia mostrando a importância da beleza e da contemplação em tempos de extrema dor, solidão e imprevisibilidade, quando é tão importante relançar a esperança.

Um livro de grande urgência – que diz respeito a todos.

partilhar Facebook
308/Jose_T._Mendonc.jpg
308/Jose_T._Mendonca.jpg
308/Jose_To._Mensddonca.jpg
Banner Publicitário