Voz da Póvoa
 
...

Turistando Lendas e Lugares – Auto-retrato

Turistando Lendas e Lugares – Auto-retrato

Opinião | 30 Novembro 2020

“Trago nas vestes os retalhos de todas as bandeiras, na pele a soma de todas as cores, na vontade a mistura de todas as raças.

Sou mestiça, vira lata, vira mundo...

Tenho a alma marcada a ferro por todas as religiões, atendo por todos os nomes e meu coração é terra fértil para todos os amores.

Não conheço masmorra que me prenda.

Minha alma carrega as marcas dos açoites da vida juntamente com a força que me faz erguer do chão e caminhar!”

E ao escutar tal discurso vindo das profundezas de mim mesma acordei. E o mundo estava exatamente como dantes, mas já não era mais o mesmo...

E já não temia tempestade ou mau agouro porque podia ver o arco-íris que encerra-se dentro de cada gota pesada de chuva e, como já dizia minha bisavó que muito sabia sobre todas as coisas:

Não há mal que sempre dure!

Maria Beck Pombo

 

partilhar Facebook
Banner Publicitário