Voz da Póvoa
 
...

Varzim perde frente ao Estoril

Varzim perde frente ao Estoril

Varzim | 1922 | 4 Setembro 2019

O Varzim já não perdia com o Estoril há uma década, mas esta invencibilidade chegou ao fim na manhã do passado domingo, com a derrota por 3-1. Com quatro jornadas já cumpridas na II Liga, o Varzim soma apenas dois pontos, mercê de dois empates e duas derrotas, e ainda não encontrou o caminho para as vitórias.

O jogo começou com oportunidades repartidas para as duas equipas. A luta a meio-campo prometia ser a nota dominante nesta primeira parte quando, aos 25 minutos, o Varzim se colocou em vantagem, com Willian a corresponder da melhor maneira ao cruzamento de Ricardo Barros. A equipa da casa procurou reagir, mas encontrou pela frente um guardião poveiro inspirado e que segurou a vantagem até ao intervalo.

No segundo tempo, os canarinhos surgiram mais afoitos no ataque. João Góis deu o primeiro aviso, com um remate à trave, e pouco depois Daniel Bragança acabou mesmo por restabelecer a igualdade. O Varzim ainda se estava a recompor do golo sofrido quando o Estoril fez o 2-1, por Juninho, ao aproveitar a passividade da formação alvi-negra.

A perder, os comandados de Paulo Alves foram em busca do empate, que estiveram perto de conseguir, num remate de Ricardo Barros a rasar o poste da baliza canarinha. Balanceado na frente, o Varzim acabou mesmo por sofrer o 3-1, que sentenciou o encontro, um lance de contra-ataque, concluído por Malinowski. Até final, nota para as expulsões de Alan Henrique e Cerveira, que deixaram os “alvi-negros” reduzidos a nove jogadores.

partilhar Facebook
Banner Publicitário