Geral

PARAMILOIDOSE
A Erradicação da Doença Está na Prevenção

Dia-Nacional-da-Luta-Contra-a-Paramiloidose

A Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Varzim e a Associação Portuguesa de Paramiloidose assinalaram, quinta-feira, o Dia Nacional de Luta Contra a Paramiloidose.

A cerimónia começou com uma romagem e deposição de uma coroa de flores junto ao busto do Professor Doutor Corino de Andrade, em frente ao Centro Hospitalar, e prosseguiu no salão nobre da Santa Casa. “A homenagem que habitualmente fazemos ao Professor Dr. Corino de Andrade, que a Misericórdia da Póvoa de Varzim escolheu para patrono da Unidade de Cuidados Continuados de Média Duração, deve estender-se a todos os que, ao longo do tempo, têm ajudado a combater esta doença. As pessoas portadoras de paramiloidose continuam a ser uma preocupação desta instituição”, referiu o Provedor Virgílio Ferreira.

A Misericórdia da Póvoa de Varzim foi pioneira no estudo e combate à chamada “doença dos pezinhos”, com a criação, em 1989, do Centro de Estudos e Apoio à Paramiloidose (CEAP). Desde então, a instituição poveira investiu cerca de 2,8 milhões de euros no combate à paramiloidose e no apoio aos doentes.

Virgílio Ferreira sublinhou que a Misericórdia vai continuar a desempenhar um importante papel no combate à doença dos pezinhos: “Queremos encarar o futuro com esperança, mas também com estratégias capazes de controlar e combater a doença. Devemos também ter a missão de proporcionar melhor qualidade de vida a quem carrega o pesado fardo de ser portador de paramiloidose. O CEAP vai continuar a sua missão, mantendo uma ligação estreita com os doentes que fazem parte da nossa base de dados, que foi sendo construída ao longo do tempo. Além do apoio directo que presta, a Misericórdia pretende ser uma plataforma catalisadora no combate à doença”.

Leia a notícia na íntegra na edição impressa.